29
maio

5 dicas de ouro para influenciar seus seguidores nas redes sociais

Antigamente, ter acesso às mídias e ser um formador de opinião era para poucos. Hoje, o acesso está no bolso.

(Mulher fotografando/Freepik)

A não ser que o seu negócio seja vender imagens artísticas, influenciar sua rede de seguidores nas redes sociais é desafio que vai muito além de ‘postar fotos bonitas’.

O ser humano, por natureza, é um ser visual. Desde os primórdios da civilização a imagem é aplicada para passar uma mensagem, ou registrar fatos da história. Arqueólogos e historiadores analisam cada milímetro de imagens encontradas em escavações, buscando compreender qual o sentido e a mensagem dos desenhos nas paredes.

Acontece que os seus seguidores nas redes sociais não perdem mais do alguns segundos visualizando a sua postagem, e antes mesmo de registrarem sua mensagem já estão se deparando com o próximo post num piscar de olhos, ou melhor e mais moderno, num deslizar de dedos.

Como fazer a mensagem da sua marca (seja pessoal ou corporativa) se sobressair na multidão? Se esta perguntando ainda não lhe acompanha, copie-a em um post it e cole no espelho do seu banheiro ou na porta da geladeira. Com a pergunta em fervilhando na sua mente, todas as suas interações do dia podem ser uma oportunidade de achar mais respostas – já que não existe um única.
Uma coisa eu lhe afirmo: seja alguém influente na sua área de atuação.

Para lhe inspirar neste caminho, separei alguns insights brilhantemente explanados no livro ‘Influência de Massa. Os hábitos das pessoas altamente influentes’ (título em inglês – Mass Influence. The Habits of the Highly Influential), da autora Teresa de Grosbois. A autora cita uma frase famosa de Winston Churchill, ex-primeiro ministro da Inglaterra, na qual ele diz: ‘Você ganha a vida pelo que faz, mas faz a vida pelo que dá’.

# 1 – A primeira dica de ouro é seja interessante e não interesseira. Ofereça o seu conhecimento genuína e gratuitamente aos seus seguidores. Agindo assim, eles começam a compartilhar o seu conteúdo ao invés de pensar ‘lá vem mais uma auto-promoção’ do tipo ‘olhem como sou boa’. Você se torna influente quando alguém lhe disser ‘eu ouvi dizer que você é boa’.

# 2 – Deixe a timidez de lado e diga às pessoas o que realmente está buscando. Ninguém tem a obrigação de adivinhar seus objetivos, e o mais prejudicial, sem dizer as pessoas o que quer você perde a chance de conseguir que elas indiquem o seu trabalho, serviço ou produto. O mundo está muito ocupado para prestar atenção aos seus pensamentos. Então, deixe claro o que está buscando.

# 3 – Alinhe o seu propósito de trabalho com o segmento de atuação e localize as pessoas que busca influenciar. Se o seu produto ou serviço é destinado aos profissionais da área de saúde, qual a razão de interagir com engenheiros da construção civil?. As redes sociais oferecem mecanismos de busca que auxiliam na localização das pessoas, com base em vários critérios de busca.

# 4 – Identifique no seu propósito qual o problema que o seu negócio resolve. As pessoas não compram produtos ou serviços, elas compram a solução para determinado problema. Demonstrar ao seus seguidores que você tem conteúdo, bagagem e capacidade para resolver ‘suas dores’ é fator-chave para ganhar a confiança das pessoas. A credibilidade dos outros no seu potencial o tornará uma pessoa influente.

# 5 – Promova-se, com estratégia. A auto-promoção se tornou algo corriqueiro nas redes sociais. Algumas pessoas até se deram bem com esse boom de exposição rápida, mas não estamos falando de fama e sim de influência. Antes de escrever este artigo estava assistindo à uma palestra de Leandro Karnal, hoje o palestrante mais requisitado no Brasil. Ele é professor há mais de 30 anos, mas nos útlimos dois anos tem direcionado esforços para promover o seu conhecimento nas redes sociais. Atraiu milhares de seguidores e se consagrou pela consistência do ‘seu produto’.

Aconselho a leitura completa do livro, pois a autora reforça de forma prática e leve os caminhos para ser um influenciador altamente eficaz.

Deixe seu comentário ou compartilhe com a sua rede.

Até a próxima.

Você tem dúvidas sobre Redes Sociais? Escreva nos comentários ou envie para[email protected].

Luciane Borges é Especialista da Marca Pessoal no Linkedin

O conteúdo deste artigo é de responsabilidade da autora.