18
jul

Como resolver problemas: a importância do contador para empresa

Eu já sou empreendedora e já sei como abrir meu próprio negócio. Já fui ao website do SEBRAE, do Portal do Empreendedor, já consultei livros, amigos e fiz alguns cursos.

Eu não preciso de contador na empresa, na loja, na pizzaria ou nem mesmo para a minha prestação de serviços. Será? Junto com a tecnologia, vem uma série de obrigações tributárias digitais. Junto com a empresa nascendo, aparece um conjunto de decisões a serem tomadas pelos empreendedores.

Quem vai te ajudar a fazer o seu fluxo de caixa da maneira correta, provisionando todos os pagamentos no período correto e classificando seus gastos para que sejam apurados devidamente e considerados na formação de preços do seu negócio? O contador. A contadora.

Este profissional estudou bacharelado em Ciências Contábeis, de quatro a cinco anos, e tem ampla capacidade de conhecer todos os tributos que você precisará pagar, todas as contas que deverá provisionar para levar em conta no seu dia a dia. Ele sabe calcular índices financeiros sem calculadora, sabe rapidamente dando uma olhada no seu fluxo de caixa e no seu balancete, onde você está errando financeiramente e até mesmo, estrategicamente do ponto de vista comercial.

O contador não é só aquela pessoa boa em sistemas de informação contábil, expert em ERP e que emite certificados digitais.

O contador é aquele profissional que pode te ajudar consideravelmente a elaborar toda a parte financeira do seu plano de negócios.

Sabem aqueles gastos iniciais com o negócio? E o contrato social da empresa? O alvará de funcionamento? Pois é o contador que dá conta de fazer tudo isto, te dar satisfação da tua empresa quanto à documentação e cuidar para que você pague MENOS. Isto mesmo. O contador vai te orientar para que, de forma correta, usando todas as brechas na legislação tributária, conforme o regime de apuração de lucros que estiver na sua empresa, você economizar.

Quanto vale a economia que você empreendedor terá, se contar com os serviços profissionais de um contador, o qual você contratou e paga mensalmente?

O preço de um serviço contábil

Ah ! Mas contador é muito caro, eu mesmo posso fazer o serviço. Ou peço ajuda para meu marido, meu irmão, meu filho ou minha mãe que está aposentada e tem tempo livre para fazer. E a custo zero.

Cuidado com este vício de achar que qualquer pessoa tem habilidade e técnica, para te ajudar nas contas do teu negócio.

Não. O contador não é caro. Caro é o que você vai desembolsar se teus tributos atrasarem, se teu fluxo de caixa for elaborado errado, se não houver plano de contas contábeis, personalizado para seu negócio.

Um MEI precisa ou não de um contador

Ah! Mas eu sou MEI. Não preciso de contador. Verdade. Isto até você emitir uma declaração ERRADA de imposto de renda ou deixar de contabilizar algum documento e cair na malha fina. Ai você vai pagar o dobro daquilo que deveria mais o honorário do contador, que terá que solucionar de forma corretiva e não preventiva.

Tudo bem.  Não contrate um contador. Faça o seguinte: gaste três vezes mais com uma consultoria no futuro para te dizer o que falta na sua empresa (organização, plano de contas, cronograma de pagamentos, análise de demonstrações financeiras, índices de rentabilidade, endividamento, prazo médio de pagamentos, de recebimento, índice de retorno de investimento e outros).

Tendências de mercado

1 – Processos automatizados – o contador atualizado terá como reduzir a burocracia para você e utilizar o tempo dele contigo, em reuniões de novas estratégias que auxiliem o seu negócio.

2- Sistemas integrados – O contador conhece qual o melhor ERP para você, e o mais econômico e viável para o seu negócio, ou seja, o melhor sistema gerencial integrado que irá simplificar a entrada e saída de informações, além da emissão de relatórios financeiros integrados ao eSocial, ao fluxo de caixa e outros, por exemplo.

3 – Migração das obrigatoriedades assessorias para o meio digital – as novas obrigações trabalhistas que estão agora segmentadas e juntas no eSocial pedem um profissional que conheça todas elas e os mecanismos online de utilização, para melhorar o desempenho dos negócios e a qualidade da informação para você com maior transparência em relação às informações prestadas e tornar a transmissão de dados mais seguras.

4 – Segmentação – é possível o contador prestar atendimento personalizado conforme o nicho de atuação ao qual pertence o seu negócio, o que permite o benefício de entender mais profundamente o seu negócio e trazer os melhores resultados, assim como um consultor de gestão empresarial.

5 – Unir a necessidade de prevenção de fraudes com o necessário giro do negócio – Devido à necessidade de se preparar para as possíveis fraudes comerciais, as empresas devem ser capazes de fornecer, se necessário, informações precisas sobre suas contas às autoridades reguladoras. O contador é capaz de fornecer consultoria para ajudar a implantar uma estratégia de compliance, usando as melhores práticas financeiras e contábeis, alinhadas com a busca de procedimentos anticorrupção.

Se depois de todos estes argumentos, você ainda tiver dúvidas, pense no seguinte: o contador conhece as empresas por dentro, pois ele aprendeu a conhecer controles internos dos fluxos operacionais de diversos ramos de negócio. E, portanto, é ele, quem vai te ajudar a gastar menos, utilizando mais recursos próprios e menos capital emprestado. Ele vai ser aquela profissional que te orientará qual o melhor momento de investir e no que investir, para ajudar a alavancar financeiramente sua empresa, e ainda, vai te dar as dicas de regulamentação tributária nas esferas federais, estaduais e municipais, com o menor ônus. Ele é a pessoa que cuidará da burocracia, mas também de estratégias econômico financeiras para o seu negócio perpetuar. O que você prefere? O risco de ter prazo de validade no empreendimento ou o sucesso da continuidade dos negócios?

Vale dizer que o contador não é um super-herói e que o seu atendimento como profissional vai depender da relação cliente-prestador que ele puder estabelecer junto a você.

Pois é você quem vai contar para ele qual o seu problema e é você quem irá fornecer os documentos para ele analisar.

Pense mais sobre isto. O contador não é mero guarda livros. E também não é um robô. Não faz serviços automáticos como linha de produção. Mas, é aquele profissional que vai se debruçar nos seus documentos, e entender o seu ramo de negócio, para te auxiliar no que for melhor para ti, em termos de evolução, crescimento e viabilização financeira, com menos risco, em um caminho legal perante a sociedade.

Contrate um contador para seu empreendimento. Tenho certeza de que, você não se arrependerá.

Walkyria RIbeiro é proprietária do www.auditoriaepericia.net