03
set

Desafios de um líder

No cenário atual, há alguns desafios que todo líder precisa estar preparado para enfrentar

Desafios de um líder / Imagem Freepik

O cenário atual é um dos grandes desafios da liderança de equipes. Além de obter autoconhecimento e saber os pontos fortes e fracos, um bom líder precisa construir um ambiente propício ao desenvolvimento de cada colaborador.

É através da construção dessa atmosfera de troca constante de conhecimento e comunicação assertiva, que surgem as equipes engajadas e comprometidas com o resultado.

A liderança não é uma característica inata, principalmente no ambiente de trabalho impactado por inúmeras transformações ocasionadas pela tecnologia. O ambiente digital impacta diretamente no comportamento das pessoas, a comunicação necessita cada vez mais de agilidade, clareza e dinamismo.

Fique atenta as características importantes para um líder no cenário atual e como preparar-se para as constantes transformações.

Desafio 1: como criar um ambiente favorável?  

É importante compreender que um líder não possui a tarefa de motivar cada colaborador, mas construir um ambiente propício para que cada integrante possa sentir-se automotivado. No ambiente organizacional, existem variados perfis e personalidades, logo seria impossível motivar os anseios de cada um.

Um ambiente favorável e que impacta no engajamento da equipe reúne algumas características direcionadas pela liderança, tais como:
  • Conhecer as habilidades e competências de seus colaboradores;
  • Saber delegar tarefas levando em conta as habilidades e competências;
  • Pensar em constantes melhorias nas condições de trabalho;
  • Reconhecimento no dia a dia;
  • Empatia e bom relacionamento com os colaboradores;
  • Ouvir com atenção, além de apresentar sugestões e soluções;
  • Construir parcerias junto à equipe e mostrar através de atitude, organização e postura que todos caminham na mesma direção e propósito em comum;

Desafio 2: alinhar os objetivos junto à equipe

A comunicação está intrínseca na liderança, essa será a principal ferramenta para o sucesso ou fracasso da atividade. É essencial que os objetivos sejam transmitidos de maneira clara e organizada.

Geralmente, os colaboradores possuem seus próprios objetivos e expectativas dentro da empresa, portanto, o desafio para a liderança será motivá-los para um propósito em comum. Alguns passos serão necessários, como:

  • Elaborar um planejamento estratégico para direcionar a liderança e a equipe rumo ao objetivo;
  • Reforçar a missão, visão e valores da empresa;
  • Apresenta as vantagens. É essencial que o colaborador perceba os benefícios na execução dessa atividade para o próprio desenvolvimento profissional e se possível, financeiro, por meio de bonificações;
  • Comunicação próxima aos colaboradores e espaço frequente para feedbacks.

Desafio 3: delegar tarefas

O empreendedor americano Andrew Carnegie, por sinal um dos maiores do mundo, tem uma frase interessante que diz: “Nenhum homem será um grande líder se quiser fazer tudo sozinho ou se quiser levar todo o crédito por fazer isso”.

O líder nunca fará tudo sozinho, embora isso pareça óbvio, na prática a tentativa de abraçar mais tarefas do que suporta por insegurança, é muito comum. A liderança necessita delegar tarefas para as pessoas certas, caso não haja preparo, solicitar o treinamento necessário.

A sobrecarga impede a liderança de acompanhar o desenvolvimento do plano estratégico e auxiliar os colaboradores quando necessário. Um líder não faz nada sozinho, portanto é preciso pedir auxílio e confiar na equipe que possui.

Desafio 4: gestão de conflitos

A harmonia é um ponto crucial para a produtividade e resultados positivos na equipe. Principalmente em grupos maiores, em que expectativas e ideias podem convergir, a liderança deve atuar como intermediária e gerenciar os possíveis conflitos.

Estar apto a ouvir os colaboradores com empatia e deixar claro que os conflitos são necessários para o desenvolvimento, é um passo importante. A liderança é associada a um indivíduo confiável, bom ouvinte e que compartilha o objetivo de harmonizar as situações para promover o bem-estar e desenvolvimento profissional dos seus colaboradores.

Desafio 5: liderança não é técnica, mas comportamento

É preciso compreender que não existe uma fórmula única a ser aplicada na liderança, exatamente por essa razão é considerada um desafio. É crucial reunir comportamentos que cabem ao cenário e saber o momento certo de aplicar cada conduta.

Existem perfis de líderes que também deve ser considerado, uma vez que cada um irá possuir pontos comportamentais positivos e negativos que serão trabalhados por meio de treinamentos e preparo prévio.

Por mais habilidades inatas na comunicação que uma pessoa possa ter, a liderança organizacional vai exigir condutas específicas conforme os possíveis conflitos, desafios e transformações no ambiente e mercado.

As empresas também possuem suas particularidades, logo um líder, mesmo que experiente, possa necessitar de treinamento ao gerir uma nova equipe e cultura organizacional.

Colaboração de Plano Consultoria

Leia também:

O poder de se autoliderar

Liderança e o desafio de reter e engajar

5 razões para treinar equipes e garantir resultados

Trabalho em equipe: um grande desafio da líder empreendedora

Você é líder ou está líder?