11
jun

Itaú Unibanco abre inscrições para 2ª edição do programa “Aceleração Itaú Mulher Empreendedora”

Com o objetivo de aprimorar as habilidades de gestão empresarial e desenvolvimento do talento empreendedor de mulheres, o Itaú Unibanco vai promover, em parceria com a FGV-EAESP – Escola de Administração de Empresas de São Paulo, a 2ª edição do programa “Aceleração Itaú Mulher Empreendedora”. A iniciativa é gratuita, acontecerá entre agosto e novembro deste ano e contemplará 30 participantes (mesmo número da edição passada, realizada em 2017). As inscrições já estão abertas através do site www.imulherempreendedora.com.br e seguem até o dia 30 de junho.

Podem participar do programa mulheres empreendedoras, proprietárias ou sócias de negócios que estejam em funcionamento há pelo menos um ano; é necessário ser cliente Itaú (pessoa física ou jurídica); o negócio deve ter faturamento anual mínimo de R$ 300 mil; e também é preciso que a empresa empregue cinco funcionários ou mais (contando com a empreendedora e sócios). O processo de seleção levará em conta o potencial de crescimento das participantes. A primeira etapa analisará as respostas em questionário online. Depois, serão realizadas entrevistas pessoais ou por Skype junto às 60 potenciais participantes, para então selecionar as 30 contempladas.

Com coordenação dos professores Maria José Tonelli e Tales Andreassi, o programa será realizado pelo período de quatro meses e terá 76 horas de capacitação com aulas online e presenciais, sendo quatro encontros às sextas-feiras e sábados, na sede da FGV, em São Paulo (SP), para tratar de temas como negócios e liderança feminina, oportunidades de crescimento, finanças, acesso à capital e produtos financeiros, estratégia de marketing, gestão de pessoas e processos, entre outros.

As participantes também terão acesso à avaliação e feedback para os projetos apresentados ao final do programa, e poderão até receber consultoria específica. Haverá ainda plantões de dúvida online diretamente com os professores.

“Buscamos de forma contínua ser parceiros na evolução e consolidação de empresas lideradas por mulheres. O programa ‘Aceleração’ tem esse objetivo e é algo que está alinhado ao propósito do Itaú, que é estimular o poder de transformação das pessoas”, afirma Denise Hills, Superintendente de Sustentabilidade e Negócios Inclusivos do Itaú Unibanco.

“Nossa experiência de mais de 10 anos em programas de desenvolvimento voltados a mulheres empreendedoras mostra que ter uma boa gestão de marketing, finanças, recursos humanos ou operações representa uma parte importante das ações que contribuem para a mudança de patamar do negócio. Mas existem outros fatores cruciais, que é o que pretendemos passar nesse programa”, diz Maria José Tonelli. “É fundamental enfatizar a importância das mulheres constituírem um bom networking, formarem grupos de apoio, procurarem mentores e conselheiros, inserirem-se em redes e estabelecerem parcerias estratégicas. Juntas, elas se tornam maioria e aumentam seu empoderamento. Os programas de desenvolvimento de mulheres empreendedoras do banco Itaú estão completamente alinhados com tal política”, completa Tales Andreassi.

Sobre o Itaú Mulher Empreendedora

Em 2013, o Itaú Unibanco criou o programa Itaú Mulher Empreendedora, que procura apoiar empreendedoras por meio de treinamento, inspiração e contatos. O programa, hoje, conta com mais de 8.800 participantes das cinco regiões do País e oferece gratuitamente vídeos, artigos e ferramentas publicados em seu site e dedicados a diversos assuntos, como gestão, finanças, marketing, inovação e notícias, além de histórias inspiradoras que revelam as motivações, os desafios e as boas práticas das mulheres à frente de seus negócios. O banco também promove encontros presenciais para alimentar parcerias, networking, compras e vendas entre empreendedoras de diferentes segmentos. Para mais informações, visite: www.imulherempreendedora.com.br.

Sobre o Itaú Unibanco

Com mais de 90 anos de história, o Itaú Unibanco é o maior banco privado da América Latina. Está presente em 19 países das Américas, Europa e Ásia. Dispõe de uma extensa rede de atendimento composta de mais de quatro mil agências e postos de atendimento bancário e 46 mil caixas automáticos em todo o País, atendendo clientes pessoa física e jurídica de todos os segmentos. Além disso, o objetivo do Itaú é se tornar uma instituição cada vez mais digitalizada – atualmente, 73% das suas transações são realizadas por meio de canais digitais e, dessas, 50% se dão por meio de smartphones. A visão do Itaú é ser um banco líder em desempenho sustentável e satisfação do cliente. Seu objetivo é promover mudanças positivas nas vidas das pessoas e na sociedade como um todo. O banco oferece produtos e serviços que atendem às necessidades dos clientes, refletindo esforços continuados na oferta da melhor experiência a todos que com ele interagem diariamente. As ações do banco são negociadas nas bolsas de valores de São Paulo, Nova York e Buenos Aires, e a instituição há 18 anos consecutivos compõe a carteira do Dow Jones Sustainability World Index. Saiba mais em: http://www.itau.com.br.